Seguindo o Protocolo Sanitário para missas presenciais, foi realizada na manhã desta sexta-feira, dia 25, uma celebração em homenagem ao dia de São Vicente de Paulo, cuja festa litúrgica é no dia 27. A missa foi presidida pelo Padre Clóvis Fontenla, capelão dos hospitais da cidade de Jundiaí e do ministro Adeildo Nogueira, e ocorreu na capela do Hospital de Caridade São Vicente de Paulo (HSV).




Dezoito convidados participaram, dentre eles a diretoria do HSV, membros da Sociedade de São Vicente de Paulo, médicos e representante do Conselho Gestor do HSV. Para que demais fieis pudessem acompanhar, a missa foi transmitida ao vivo nas tevês instaladas nas recepções do Pronto Atendimento Central, Pronto Socorro Adulto e Sala de Acolhimento.

“Deus nos mostra soluções, nos proporciona uma nova realidade e nos dá esperança. O Senhor nos ajuda a passar por estes tempos difíceis”, afirmou Pe. Clóvis, se referindo à pandemia covid-19. “A história de São Vicente São Vicente – padroeiro das obras de caridade – não foi fácil, por isso pedimos a ele que nos ajude a passar por este momento e cumprir nossas missões”.




Denilson Cardoso de Sá, membro da Sociedade de São Vicente de Paulo, que integra a diretoria estatutária do HSV, destinou suas preces a todos que têm relação com a instituição. “Que todos os trabalhadores, médicos, voluntários, vicentinos, pacientes e familiares recebam muita proteção”, diz.

“Eu acredito que Deus nos coloca desafios, mas nunca nos coloca sozinhos. Por isso eu só posso agradecer à todos que têm contribuído para que o Hospital mantenha sua essência de desenvolver a caridade, tanto os vicentinos, os profissionais e instituições de nossa cidade”, concluiu Matheus Gomes, superintendente do HSV.