FONTE: https://razoesparaacreditar.com/jovem-jujubas-semaforo-mae-cancer/




A Tarcila é uma sonhadora de 32 anos que vende jujubas nos semáforos de Mangabeira-João Pessoa para se sustentar, pagar sua faculdade de educação física e ajudar sua mãezinha, que tem câncer.

Mas não tem sido fácil, com a pandemia, suas vendas caíram bastante. Já a saudade da mãe nunca foi tão grande. Como se expõe nas ruas, não pode visitar a mãe, que faz parte do grupo de risco do coronavírus.




Lançamos sua vaquinha na VOAA para Tarcila realizar o sonho de se formar em educação física e dar uma qualidade de vida melhor à sua mãe. Clique aqui e contribua.

Tarcila tem que escolher entre pagar faculdade, comprar comida e ajudar sua mãe

Pois é, gente! Tarcila teve que fazer essa escolha e por isso acabou perdendo seis meses de faculdade, atrasando seu sonho de se formar.




Tarcila vai para o semáforo 9h e só volta para casa às 16h, por causa da queda de movimento dos carros e porque começa a ficar perigoso, podendo ser assaltada, como já aconteceu. Todo dia, faça chuva ou faça sol.

A rotina é puxada, várias vezes Tarcila ficou sem almoçar, pois só consegue comer quando a prefeitura distribui marmitas para os trabalhadores de semáforos e moradores em situação de rua.

Tarcila foi assaltada duas vezes

Tarcila já passou por maus bocados vendendo. Infelizmente, já foi assaltada duas vezes. Os assaltantes levaram suas jujubas, os poucos bens que carregava e todo seu dinheirinho das vendas.