Um filhote de veado-catingueiro foi encontrado sem a mãe e resgatado pela Policia Ambiental de Pirassununga. O filhote foi trazido para a Mata Ciliar de Jundiaí, onde será cuidado pela equipe veterinária. “Ele foi encontrado sem a mãe, não sabemos o que aconteceu. Está sendo alimentado corretamente e está em um ambiente com a temperatura correta”, disse a veterinária Débora de Abreu.


O pequeno filhote pode ser uma vítima indireta das queimadas na região

O veado-catingueiro pode ser uma vítima indireta das queimadas na região, segundo o coordenador de comunicação da Mata Ciliar, Samuel Nunes. “Na região em que ele veio há muitos focos de queimadas e os animais acabam se perdendo da mãe tentando fugir do fogo. O número de filhotes nessa situação sempre aumenta nesse período de estiagem”, explicou.

Além disso, Samuel explicou que o animal precisou ser deslocado cerca de 200 quilômetros para receber atendimento, e que a viagem longa não faz bem para o animal. “Isso é muito ruim para o animal, principalmente se ele estiver machucado e precisar de atendimento emergencial. Aqui em Jundiaí nós recebemos animais de mais de 90 municípios do estado de São Paulo. Por isso é importante orientar para a preservação desses animais”.




(Fonte/Imagem: G1)