MATÉRIA G1 – A Prefeitura de Cabreúva (SP) confirmou, nesta terça-feira (14), a primeira morte de profissional da saúde por Covid-19.

Segundo a nota de pesar que foi publicada nas redes sociais, a enfermeira Teresa Cristina Faride, de 54 anos, trabalhava na rede municipal de saúde havia três anos.




Atualmente, segundo a nota, Teresa era técnica de gesso na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do bairro Jacaré. Ela ficou sete dias internada no Hospital de Campanha em São Paulo.

A Prefeitura de Cabreúva esclareceu ainda que a técnica morava em Itupeva, portanto, o óbito será contabilizado no município.